Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Vereadores cobram reforma de ponte na zona rural

Vereadores cobram reforma de ponte na zona rural

por adm publicado 16/08/2018 11h13, última modificação 16/08/2018 11h13
“De acordo com os vereadores, a ponte em questão, encontra-se em perfeita condições, porém, intransitável porque a cabeceira foi arrancada com as chuvas no inicio deste ano.”

Três vereadores da cidade de Nossa Senhora do Livramento/MT Admárcio Prado (PSDB), Erli Queluz (PHS), e Paulo Figueiredo “Paulo de Caraca” (PSB), cobraram da Secretaria Municipal de Obras, através de indicação, para que seja refeita a cabeceira da ponte sobre o Rio Sangradouro, na comunidade rural da Cabocla, distante a quase 100 km da sede municipal. A propositura foi aprovada durante sessão ordinária realizada na semana passada (7.8).

De acordo com os vereadores, a ponte em questão, encontra-se em perfeita condições, porém, intransitável porque a cabeceira foi arrancada com as chuvas no inicio deste ano. Segundo os edis, tal situação pode causar desabamento da mesma, “sem falar nos riscos de acidentes para as pessoas que transitam por ela, inclusive ônibus escolar, que deixou de levar alunos para a escola. Por esse motivo se faz necessário a reforma da mesma em regime de urgência”, diz parte do documento aprovado.

Em contato com o setor de infraestrutura municipal, o mesmo explicou que a referida ponte foi reformada em 2017, “mas que infelizmente chuvas caídas acima da média vieram a derrubar parte dela no mês de março deste ano”, respondeu o engenheiro responsável Nicklawber Santos Almeida.

O próprio secretário municipal da pasta Luciênio Batista (Branco), garantiu que tão logo seja finalizado o processo licitatório para aquisição de madeiras, a ponte receberá uma nova reforma. “A Prefeitura iniciou um processo licitatório para aquisição de madeiras para reformas dessa referida e das outras diversas pontes existentes no município. Este processo já foi licitado e segue apenas alguns trâmites legais para que o contrato possa ser efetivado, uma vez que o contrato esteja pronto, está será a primeira ponte a receber reforma”, garantiu Branco.

Branco lembrou também que devido os estragos, o tamanho da ponte terá que ser aumentado. “As chuvas levaram toda cabeceira da ponte, e não adianta a gente colocar somente novo aterro. Vamos estender mais 5 ou 6 metros de ponte, trazendo a cabeceira para solo firme, isso, consequentemente, dará mais durabilidade na mesma”, conclui.    

Vale ressaltar que o processo licitatório prevê a aquisição de 270 m³ de madeira para reforma de pontes, as quais serão adquiridas conforme a necessidade e capacidade de pagamento do município.

 

 

Acesso à Informação

Mídias Sociais

Facebook Twitter Linkedin Youtube Flickr

Rádio Legislativa
If your video does not start playing shortly, please ensure that you have JavaScript enabled and the latest version of Adobe Flash Player (http://www.adobe.com/products/flashplayer/) installed.
Audio Player
More…
Pesquisa de Opinião

Gostou do novo site?

Sim, gostei
Não gostei
Pode melhorar
spinner
Total de votos: 26
Pesquisar no BuscaLeg
Logotipo do BuscaLeg - Buscador Legislativo